Pele de maçã – Matogrosso e Mathias

(intro) C Dm G C Dm G C

 

          C   D                Bm   Em
Olhos de paixão, lábios de carmim
               Am            C
Beijo de hortelã, pele de maçã,
           G
cheiro de jasmim
           C   D          Bm   Em
Sorriso inocente, a me iludir
          Am                 C
Voz de sedução, você é a canção,
                  G
mais linda que eu ouvi
 D             Em
Minha loucura, minha ternura
 C          D           G
Ah se eu soubesse escrever
 D                    Em
O quanto eu te amo, o quanto eu te adoro
        C          D            G
Nessa canção seria pouco pra dizer
        D           Em
Doce paixão, no coração
           C     D           G
Já não sei mais, viver sem você

 


 

Retrato de Mãe – Matogrosso e Mathias

Intro 2x: Bm  E  A  F#m  Bm  E  A

 

    A              F#m            Bm
Encontrei nos meus guardados outro dia
           E                      A
uma fotografia, não sabia de quem era
                  F#m               Bm
uma dançarina com trajes de renda e fita
                   E                      A
uma mulher muito bonita de umas vinte primaveras
          D              E        A
tinha no verso uma simples inscrição:
    F#m             Bm     E             A
filhinho do coração, à você com muito amor
           D            E             A
chamei meu pai e minha mãe pra perguntar
       F#m         Bm   E                A
já vi minha mãe chorar lágrimas, triste de dor
          D           E         A
meu pobre pai me abraçou a soluçar
          F#m       Bm   E                    A
chorei muito ao escutar a história que me contou
                    F#m         Bm
querido filho não fique apreensivo
                    E                      A
somos seus pais adotivos mas vivemos prá te amar
                   F#m      Bm
a sua mãe todas boates frequentava
                     E                       A
ela dançava, ela cantava pra poder te sustentar
A         D        E            A
até que um dia de beber perdeu a voz
       F#m          Bm            E       A     
entregou você prá nós, pois não pode te criar
         D           E        A
hoje sozinha, ela vive em um asilo
        F#m           Bm      E            A      
me perdoe querido filho, por só agora te contar
            D          E        A
no outro dia me levantei bem cedinho
      F#m               Bm          E        A      
fui para o lar dos velhinhos à minha mãe visitar
        E                        A
e lá chegando o meu mundo foi ao chão
      F#m        Bm       E        A     
mãezinha do coração não pode me esperar
          D          E            A
o céu chorou, sobre mim caiu seu pranto
       F#m            Bm      E          A
dali fui pro campo santo, na sua campa rezar

 


 

De Igual pra Igual – Matogrosso e Mathias

A
  Voce mentiu, quando jurava para mim fidelidade
 Fui apenas um escravo da maldade
                                E     
 Você quis, você lutou e conseguiu
    D                                     Bm
 Você feriu, sentimentos que a ti eu dediquei
                                E
 Quantas vezes o seu pranto enxuguei
        Bm             E    A           E
 Por pensar que era por mim que chorava
:   A
:Você fingiu, você brincou com a minha sensibilidade
:
:É o fim do nosso caso da verdade
:A                 D
:  Só nos restam recordações
:                           E                     A
:Não toque em mim, hoje descobri que você não é nada
:                                    E
:Não podemos seguir juntos nesta estrada
:  E                            A   
:É o fim do amor sincero que senti
:    D                                            A
:Mas aprendi, fazer amor pra te ferir sem sentir nada
:                               E
:Enquanto eu amava você me enganava
:               Bm                E          A        E
:De igual pra igual quem sabe a gente pode ser feliz
 BIS
             A        E             A
 Ser feliz, ser feliz,  ser feliz, ser feliz