De quem é a culpa? – Marília Mendonça

 

 

     G             D
Exagerado sim, sou mais você que eu
            Am                   C
Sobrevivo de olhares, e alguns abraços que me deu
                G                          D
E o que vai ser de mim, e o meu assunto que não muda 
          Am                 C
Minha cabeça não ajuda, loucura, tortura
             D
E que se dane a minha postura.

             Am                  C
Se eu mudei você não viu, eu só queria ter você por perto
        G                           D
Mas você sumiu, é tipo vicio que não tem mais cura,
            Am
E agora de quem é a culpa, 
       C                      Am                     D
A culpa é sua por ter esse sorriso, ou a culpa é minha por me apaixonar por ele
      G
Só isso

                     D                      Am
Não finja que eu não to falando com você, eu to parado no meio da rua, 
                C                         G
Eu to entrando no meio dos carros, sem você a vida não continua.
                     D                          Am
Não finja que eu não to falando com você, ninguém entendo o que eu to passando
                    C                                G
Quem é você que eu não conheço mais…. me apaixonei, pelo que eu inventei de você

     D
Iê iê…
     Am
Iê iê…
     C                 G
Me apaixonei, pelo que eu inventei de você

    D
Iê iê…
     Am
Iê iê…
    C                    G
Me apaixonei, pelo que eu inventei de você.

 


 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *