Rapariga Não – João Neto e Frederico

[Intro] Em  D  A

 

Em
Só porque virou sua ex
                       D
Que tanto faz ou tanto fez
                A
Por ela era apaixonado
                       Em
E olha que não tem um mês

Você não sabe o que é amor
                   D
Quando quis, ela serviu
                 A
Ela foi mulher fiel
               Em
Ela nunca te traiu

            D      G           D
Se alguém aqui não presta é você

     A             Em
Rapariga não, rapariga não
          G                D
Lava sua boca com água e sabão
          A             Em
Rapariga não, rapariga não
                        G
Não é só um corpinho bonito
       A          D
Ela também tem coração
 


 

Saudade do Caramba – João Neto e Frederico

[Intro] F#m A E A

 

E                  B
A mão no copo e o cotovelo no balcão
 F#m                A
Pedi a senha do wi-fi pro Seu João
 E                  B
Até tentei, não consegui me segurar
 F#m                 A
Me deu vontade de saber como ela tá

 E
Cada foto que eu olho
B
É uma dose que eu tomo
F#m
Eu dou um gole e choro
A
Eu dou um gole e choro

 E
Minha vida parou
 B
Vi que a dela andou
F#m
É aí que eu vou bebendo
A                          B
E o Seu João enriquecendo

                   F#m
Ai que saudade do caramba que eu tô
   A             E                B
O coração não entendeu que acabou
                   F#m
Ai que saudade do caramba que eu tô
 A                 E
Desliga logo esse wi-fi
                 B
Senão eu vou morrer de amor

                   F#m
Ai que saudade do caramba que eu tô
   A             E                B
O coração não entendeu que acabou
                   F#m
Ai que saudade do caramba que eu tô
 A                 E
Desliga logo esse wi-fi
                 B
Senão eu vou morrer de amor

[F#m A E A]

E                  B
A mão no copo e o cotovelo no balcão
 F#m                A
Pedi a senha do wi-fi pro Seu João
 E                  B
Até tentei, não consegui me segurar
 F#m                 A
Me deu vontade de saber como ela tá

 E
Cada foto que eu olho
B
É uma dose que eu tomo
F#m
Eu dou um gole e choro
A
Eu dou um gole e choro

 E
Minha vida parou
 B
Vi que a dela andou
F#m
É aí que eu vou bebendo
A                          B
E o Seu João enriquecendo

                   F#m
Ai que saudade do caramba que eu tô
   A             E                B
O coração não entendeu que acabou
                   F#m
Ai que saudade do caramba que eu tô
 A                 E
Desliga logo esse wi-fi
                 B
Senão eu vou morrer de amor

                   F#m
Ai que saudade do caramba que eu tô
   A             E                B
O coração não entendeu que acabou
                   F#m
Ai que saudade do caramba que eu tô
 A                 E
Desliga logo esse wi-fi
                 B
Senão eu vou morrer de amor

[F#m A E A]

             F#m
Ai que saudade do caramba que eu tô
   A             E                B
O coração não entendeu que acabou
                   F#m
Ai que saudade do caramba que eu tô
 A                 E
Desliga logo esse wi-fi
                 B
Senão eu vou morrer de amor

                   F#m
Ai que saudade do caramba que eu tô
   A             E                B
O coração não entendeu que acabou
                   F#m
Ai que saudade do caramba que eu tô
 A                 E
Desliga logo esse wi-fi
                 B
Senão eu vou morrer de amor

F#m
Ai que saudade do caramba que eu tô
   A             E                B
O coração não entendeu que acabou
                   F#m
Ai que saudade do caramba que eu tô
 A                 E
Desliga logo esse wi-fi
                 B
Senão eu vou morrer de amor

 


 

Noite de Tortura – João Neto e Frederico

 

E               A       B          E 
 Esta noite, é mais uma noite de tortura  
                                  B 
 Pois você mora no apartamento ao lado  
                     A         E 
 Ouço seus passos e fico imaginando  
                              B 
 Que você pode estar tambem sozinha  
        A   B       E 
 Feito eu perdido num canto  
                       B        E 
 Você não sabe, mas conheço sua vida  
                            A         B 
 Eu sei de tudo que acontece em sua casa  
                       A            E 
 Eu sei a hora, que você abre o chuveiro  
                            B 
 Até parace que sinto seu cheiro  
        A       B      E 
 E o desejo se apossa de mim  
  
Ai, ai, ai  
     B                A                   E 
Coração que sofre dilacera e quase sai do peito  
                               B 
Um dia eu pego essa mulher de jeito  
                         E 
E dou pra ela todo meu amor  
  
Ai, ai, ai  
         B                   A                  E 
Sofro e choro mas não me arrependo do que faço agora  
                                  B 
Pois sei que um dia vai chegar a hora  
               A      B         E 
Que nos meus braços você vai dormir

 


 

Presto Pouco – João Neto e Frederico

Intro(2x): Em C G D

 

Em                                C
Eu arrumei um lancinho, certinho, que me dá carinho
          G                   D
É gente boa, mas não me aguentou!
Em                             C
Meu celular, toda hora tocando, vibrando
          G                          D
Os amigos me chamando, já sabem que eu vou.

                Am
Eu não me acho, elas que estão procurando
                Em
Whatsapp tá bombando, estourei no Instagram,
           Am
Tava marcado um cinema, deu problema, tem esquema
           Em                  B
Então é hoje que eu chego amanhã…

Refrão(2x):
Em             C                            G
Amar, eu amo muito, prestar que eu presto pouco
                    D
Como é que vou ser santo, se tá todo mundo louco?
Em              C                           G
Amar, eu amo muito, prestar que eu presto pouco
               D
Largado ou amarrado, se chamar é nós de novo!

Em
Tô solteiro, quero namorar
C
Namorando, quero tá solteiro
G
Se é pra amar ou sair com os parceiros
D
Eu escolho quem chamar primeiro!

 


 

Bebo e Dou Trabai – João Neto e Frederico

Intro 2x: G  D  G  D

 
G                 D
Eu já bebi pra carai
                                 G
No boteco na festa em qualquer lugar
                  D
Eu já bebi pra carai
                                 G
Chaqualhei a roseira pra turma animar
                        D
Agora eu bebo e dou trabai
                    G
Dou trabai, dou trabai
                        D
Agora eu bebo e dou trabai
                    G
Dou trabai, dou trabai

  G                                        Am
Deixa dessa de frescura se o negócio é mulher
                 D                          G
Elas gostam de atitude e que não peguem no seu pé

Noite e dia é só farra
     G            C
To bebendo pra carai
                  G                D
Por causa de uma mulher agora eu bebo e dou
    G
Trabai

(Refrão)

 G
Se o churrasco esfriou
                  Am
Bota fogo nessa lenha
                   D
Se o nosso time perder
                       G
Nós bebe por que tem pena

Mas se o meu time ganhar
      G     C
Bebo pra comemorar
                G           D       G
Se a cerveja acabar vamos direto pro bar

(Refrão)

 G
Se o churrasco esfriou
                  Am
Bota fogo nessa lenha
                   D
Se o nosso time perder
                       G
Nós bebe por que tem pena

Mas se o meu time ganhar
      G     C
Bebo pra comemorar
                G           D       G
Se a cerveja acabar vamos direto pro bar

 


 

Moda derramada – João Neto e Frederico

          Em        C      G         D

         Em                                   C
Se o seu plano era me ver sofrer se tá de parabéns
 Am
Ele tá dando certo eu já to no boteco
B
E não paro de beber
      Em                            C
Não desejo o que to passando pra ninguém
    Am
Nem meu melhor amigo bebe mais comigo
B                              Am
Cansou de ouvir sobre vocêeeeeeeeeee
                   Em
A mesma conversa de sempre
                                        Am
Você some não responde, não me atendeeeeeeee 
                  Em                                       B
E todo mundo tá sabendo, tudo que você apronta eu fico remoendoooooo

   Em                                          C
Garçom desce mais uma mas pode trazer a mais gelada
                                    Am
Aumenta o som aí que a moda é derramada
                                    B
Eu viro outro copo e grito aoowww paixão
                             Em
Essa tá gelada igual seu coração
                                        C
Desce mais uma mas pode trazer a mais gelada
                                    Am
Aumenta o som aí que a moda é derramada
                                    B
Eu viro outro copo e grito aoowww paixão
                                   Em
Essa tá gelada igual seu coraçaaaaaãooo

( C Am B )

     Em                            C
Não desejo o que to passando pra ninguém
    Am
Nem meu melhor amigo bebe mais comigo
B                              Am
Cansou de ouvir sobre vocêeeeeeeeeee
                   Em
A mesma conversa de sempre
                                        Am
Você some não responde, não me atendeeeeeeee 
                  Em                                       B
E todo mundo tá sabendo, tudo que você apronta eu fico remoendoooooo

 Em                                          C
Garçom desce mais uma mas pode trazer a mais gelada
                                    Am
Aumenta o som aí que a moda é derramada
                                    B
Eu viro outro copo e grito aoowww paixão
                             Em
Essa tá gelada e gosta o coração
                                        C
Desce mais uma mas pode trazer a mais gelada
                                    Am
Aumenta o som aí que a moda é derramada
                                    B
Eu viro outro copo e grito aoowww paixão
                              Em
Essa tá gelada igual seu coração
    C
Desce mais uma mas pode trazer a mais gelada
                                    Am
Aumenta o som aí que a moda é derramada
                                    B
Eu viro outro copo e grito aoowww paixão
                              Em
Essa tá gelada igual seu coração
   C
Desce mais uma mas pode trazer a mais gelada
                                    Am
Aumenta o som aí que a moda é derramada
                                    B
Eu viro outro copo e grito aoowww paixão
                                   Em
Essa tá gelada igual seu coraçaaaaaãooo
                   
C                                   Am
Aumenta o som aí que a moda é derramada
                                    B
Eu viro outro copo e grito aoowww paixão
                              Em
Essa tá gelada igual seu coração

 


 

Ele Não Vai Mudar – João Neto e Frederico

Intro: A C#m B

E
Por quê?
A
Será que é tão difícil perceber
                 E
Que você está sofrendo
A
Você está sempre se esforçando
               F#m
E ele não tá vendo
A
Que ainda alimenta esperança
             E
Que ele vai mudar

Ele não vai mudar

A
Lembra?
                                             C#m
De quantas vezes ficou esperando ele pro jantar
                                                F#m
Nas promessas vazias que já tá cansada de escutar
           A
Pra que se enganar?

Ele não vai mudar
        B
Ele não vai mudar

Refrão! '-'

               A
Esquece esse cara

Enxuga às lágrimas que a vida continua
              E
Você é perfeita, quem perdeu foi ele

A culpa não é sua
                  B
Se entregou inteira

Pra ganhar em troca, amor pela metade
  A     B          E
Você amou sozinha
              A
Esquece esse cara

Ele não merece nem mais uma chance
                E
Porque na verdade, sua felicidade

É o mais importante
                B
Antes que seja tarde e a ligação acabe

E eu preciso te falar
 A   B       E
Ele nunca vai mudar

SOLO: A  C#m  F#m  A  B

A
Lembra?
                                             C#m
De quantas vezes ficou esperando ele pro jantar
                                                F#m
Nas promessas vazias que já tá cansada de escutar
           A
Pra que se enganar?

Ele não vai mudar
        B
Ele não vai mudar

Refrão! '-'

              A
Esquece esse cara

Enxuga às lágrimas que a vida continua
              E
Você é perfeita, quem perdeu foi ele

A culpa não é sua
                  B
Se entregou inteira

Pra ganhar em troca, amor pela metade
  A    B       E  
Você amou sozinha
              A
Esquece esse cara

Ele não merece nem mais uma chance
                E
Porque na verdade, sua felicidade

É o mais importante
                B
Antes que seja tarde e a ligação acabe

E eu preciso te falar
 A   B       E
Ele nunca vai mudar

 


 

Querendo Te Amar – João Neto e Frederico

 

A              B
Vê se larga de besteira
            D
Tô aqui dando bobeira
   Dm         A
Querendo te amar
                     B
E já faz tempo que eu te quero
                       D
Há tanto tempo que eu te espero
      Dm              A
Vê se pára pra pensar
                   B
Tô com saudade do teu cheiro
                D
E desse seu cabelo preto
         Dm          A
Se espalhando sobre mim
              B
Sua boca pedindo beijo
               D
E aumentando meu desejo
      Dm           F#m
Não demora, vem pra mim
    B
Quando você chegar
    D      E
Vai se perder no meu olhar

A                 E               F#m
Eu sei de tudo que se passa nessa sua vida
                 D                 A
Eu sei que assim como eu você não está feliz
                            E                 F#m
Eu sei que às vezes pensa em mim quando está sozinha
                  D               F#m
E isso prova que esse amor tá criando raiz
                 B                   D
Em todo caso perde o medo de curtir essa paixão
Bm              C#m        D        E       A
Que entra pela porta da frente do meu coração

Repete tudo       B    D

Bm           C#m        D        E       D   Dm A E A
Que entra pela porta da frente do meu coração
 


 

Chorou na escadaria – João Neto e Frederico

 

  G
Fez quinze graus ontem, estava frio lá fora
   A
Cê não me procurou e eu não fui te procurar
  F#m
A insônia me fez companhia à noite toda
   Bm
Fiquei olhando as nossas fotos no meu celular

G            A
Você não sabia
                                     F#m
Que na balada a saudade não paga portaria
                                    Bm
Que ilusão a sua achar que me esqueceria
                      G        A
E que a bebida me apagaria, apagaria 

               Em
Chorou na escadaria da boate
             G
Pegou a saudade entrou no táxi
              D
E nem deu meia hora
              A
Bateu na minha porta
               Em
Chorou na escadaria da boate
             G
Pegou a saudade entrou no táxi
          D                          A
Saudade amiga, trouxe o meu amor de volta
                Em   G D A
Agora pode ir embora 

    G
Fez quinze graus ontem, estava frio lá fora
   A
Cê não me procurou e eu não fui te procurar
  F#m
A insônia me fez companhia à noite toda
   Bm
Fiquei olhando as nossas fotos no meu celular

G            A
Você não sabia
                                     F#m
Que na balada a saudade não paga portaria
                                    Bm
Que ilusão a sua achar que me esqueceria
                      G        A
E que a bebida me apagaria, apagaria 

               Em
Chorou na escadaria da boate
             G
Pegou a saudade entrou no táxi
              D
E nem deu meia hora
              A
Bateu na minha porta
               Em
Chorou na escadaria da boate
             G
Pegou a saudade entrou no táxi
          D                          A
Saudade amiga, trouxe o meu amor de volta

               Em
Chorou na escadaria da boate
D         G
Pegou a saudade entrou no táxi
              D
E nem deu meia hora
              A
Bateu na minha porta
               Em
Chorou na escadaria da boate
             G
Pegou a saudade entrou no táxi
          D                          A
Saudade amiga, trouxe o meu amor de volta
                Em   G
Agora pode ir embora 
                D    A
Agora pode ir embora 
                Em
Agora pode ir embora

 


Crime Perfeito – João Neto e Frederico

 

          D
Não adiantou trancar a minha porta,
               A
Entrou pela janela
                                   Am
E me fez prisioneiro das vontades dela
                                   B     
Fiquei de mãos atadas não pude impedir

    Em                          D      G
Depois saiu levando o que tinha mais valor
                               D         A
E nessa correria esqueceu do amor, da saudade

     Em
Me pegou desprevenido eu nunca suspeitaria
      Bm
Meu mundo desabando inteiro em menos de um dia
       G                 Em
Teu cheiro pelo ar, teus atos pelo chão
      A                  F#             D
E eu fui outra vitima da sua ingratidão

REFRÃO:
D                                  A
Eu fui o seu refém desse crime perfeito
                                    Em
Levou o que era meu você não tem direito
D     G        A          D
De me amar e fugir agora…
                                  A
Eu vou reconstruir tudo feito um bobo
                                   Em
Mesmo sabendo que vai me roubar de novo
D     G         A          D
Só assim eu te vejo outra vez